USO CRÔNICO DE MACONHA E SEU IMPACTO NO METABOLISMO

O uso crônico da Maconha estimula os receptores Cannabinoides (CB1R e CB2R) e Endocannabinoides, que estão relacionados à importantes regulações de balanço energético, apetite, sensibilidade Insulínica, funções de células BETA pancreática e metabolismo lipídico. Ao que indica, ativar CB1R promove a utilização de lipídios como fonte energética, reduz a resposta Insulínica no tecido muscular esquelético e prejudica a ação e secreção das células beta pancreáticas. Sendo assim, podemos sugerir que a inibição desses receptores pode desempenhar um papel importante no controle de peso corporal, tratar dispilidemia e também tratar a resistência Insulínica. Sendo esse mecanismo um recurso promissor no controle da obesidade e tratamento da resistência Insulínica. […]

Tempos Modernos, Riscos Modernos

Sobrepeso é um dos males da vida moderna   Estamos vivendo um período onde não há um mal único e específico a ser combatido para a manutenção de uma vida com saúde. Nos tempos modernos o mal se apresenta de maneira multifatorial, como síndromes.   Assim como não há um mal único e específico, não Leia mais sobreTempos Modernos, Riscos Modernos[…]

Estudo mostra que dois em cada três casos de aneurisma estão ligados ao tabagismo | Agência Brasil

  São Paulo – Pesquisa feita pelo Serviço de Neurocirurgia do Hospital de Transplantes do Estado de São Paulo mostra que 62% dos pacientes que sofreram aneurismas cerebrais fumavam regularmente. O estudo analisou 250 casos nos últimos dois anos. O levantamento destaca que os fumantes são até dez vezes mais propensos a apresentar hemorragias cerebrais Leia mais sobreEstudo mostra que dois em cada três casos de aneurisma estão ligados ao tabagismo | Agência Brasil[…]

Tabagismo: o Instituto Nacional do Câncer faz um alerta!

A maior causa de mortes evitáveis do mundo   Qualquer um que tenha crescido na década de 80 e 90 lembraria facilmente dessa cena: Um jovem, aventureiro e livre, praticando esportes radicais, andando em grandes iates, descendo grandes corredeiras, domando cavalos selvagens e, no final do comercial o grande astro aparecia: o cigarro.   Símbolo Leia mais sobreTabagismo: o Instituto Nacional do Câncer faz um alerta![…]